terça-feira, 19 de fevereiro de 2008

E continua o lobby rosa

É isso ai. O imperador da cachaça pegou dois joguinhos de suspensão pela cabeçada que deu no Domingos, jogador do Santos, durante o clássico Bicharada X Baixada.

Alguma surpresa?

Há tempos, o lobby rosa do São Paulo FC pressiona árbitros e o STJD a favorecer o time do Jardim Leonor. Tanto que, apesar de ser um dos times mais truculentos durante o Campeonato Brasileiro do ano passado, o São Paulo conquistou "apenas" 12 pontos com a ajuda (intencional ou não) da arbitragem - para saber mais, clique aqui.

Obviamente, o tal julgamento só poderia dar no que deu: em nada.

Aliás, ou vi um argumento muito inteligente sobre a sentença do STJD: o Adriano não agrediu o Domingos. Queria mesmo é dar um beijo na boca dela.

Que acham??? Será que foi por isso que o Domingos, depois do jogo, afirmou que o Adriano não o tentou agredir?

A rosca tá queimando solta!

--
Fidel Renunciou

Hoje de manhã, estava ouvindo a CBN, vindo para o trabalho. Tive o prazer de acompanhar um debate entre o professor de Denis Rosenfield e um outro professor da UFSC que, de tão desprezível, não consegui gravar o nome. O tema do debate era a renúncia de Fidel Castro.

Confesso que tinha vontade de vomitar cada vez que o tal professor da UFSC falava. Só para variar, mais um intelectual comunista, que acha que a ilha do Fidel é a sétima maravilha do mundo. Os argumentos eram os de sempre: não existe analfabetismo, todos estudam, todos têm trabalho, a ilha só vive uma situação de penúria devido ao horripilante e malvado embargo ianque, e blá, blá. Não vou comentar a posição do Rosenfield, corretíssima, mas algumas questão não foram postas ao professor comunista e, por isso, quero lançar aqui.

1. Se o capitalismo é tão ruim, se os Estados Unidos são os monstros malvados, porque eles reclamam tanto do embargo americano?
2. Se Cuba é tão legal, porque os cubanos fogem de lá?
3. Se os latino-americanos desejam ter o padrão de vida dos cubanos, conforme afirmou o tal professor, por que não vemos ordas de pessoas tentando entrar desespedaramente em Cuba?
4. Por que os cubanos não podem viajar?
5. Por que o tal professor, que acha Cuba o máximo, não vai morar lá e pára de falar merda?

Aguardo, ansiosamente, as respostas. Mas elas tem que ser lógicas, ou não vale, ok?

2 comentários:

Michel disse...

Olá, Núbia!
Posso te provocar?
1) O embargo americano se estende, como vc sabe, a partes, componentes, serviços e patentes em qualquer produto a ser exportado para Cuba. O embargo é ruim, pq desistimula inúmeros parceiros a exportar para lá.
2) Qtos brasileiros fugiriam do Br se nós tivessemos divisas terrestres com os US? E se eles fizessem aqui a mesma propaganda que fazem em Cuba? Tudo considerado, acho que saem poucos cubanos proporcionalmente à pop e à prop ;)
3) Cuba é um país pobre. Os que se dispõem a imigrar, em geral, querem mais chances de ganhar a vida. Quem quer mais justiça, mais solidariedade etc, geralmente, quer isto no próprio país , não fora dele...
4) Nonsense! Onde vc ouviu esta tolice?
5) Não vi a entrevista, mas não nego a nenhum brasileiro o direito a preferir morar aqui mesmo e defender suas idéias para o país.
Abração
Do Michel ( que é o "Vítor", do Muda)

Anônimo disse...

Vou provocar tambem - "horda" eh com "h"...

Helio (tambem com "h"), do orkut