sexta-feira, 1 de agosto de 2008

E lá se ai nosso dinheiro

Do O Filtro:

Saída de Rachid reforça PT na Receita Federal, diz Folha

A demissão de Jorge Rachid, que estava no comando da Receita Federal desde o início do governo Lula, abre espaço para um maior controle petista sobre o órgão, segundo reportagem da Folha (para assinantes). A nomeação de Lina Vieira foi articulada pelo secretário-executivo da Fazenda, o petista Nelson Machado, incumbido pelo ministro Guido Mantega a dar as cartas na Receita, vista pelo PT como muito autônoma durante a gestão de Rachid. Mantega já vinha tentando derrubar o ex-secretário desde 2003, quando assessores de Rachid foram acusados de negociar mudanças na legislação tributária para favorecer empresas, como revelou a revista ÉPOCA.

Nenhum comentário: