quinta-feira, 10 de novembro de 2011

Tutorial para me seguir no Twitter

Olá. Meu nome é Núbia e estou escrevendo esse tutorial para você, que pretende me seguir no Twitter. O objetivo é estabelecer regras amigáveis de convivência, de maneira que nem eu, nem você, fiquemos estressados por conta da convivência tuiterística, ok?

Primeira regra: se você me pedir para eu te seguir de volta, eu não vou te seguir. Uma maneira bacana de me fazer te seguir é estabelecer um diálogo legal sobre algum assunto de interesse comum. Se você for uma pessoa interessante, eu com certeza vou te seguir, ok? Mas não me peça jamais para te seguir de volta, combinado?

Dois: eu escrevo muito, quase o tempo todo, sobre assuntos  bastante aleatórios. Em dias de jogos do Palmeiras, além de flodar a sua timeline, provavelmente escreverei palavras de baixo calão para elogiar árbitros e futebol/jogadores. Acostume-se.

Três: esssa é uma @ altamente irônica. Não me leve a sério e saiba que, muito provavelmente, estarei sendo irônica.

Quatro: adoro ver o circo pegar foto. Se você ficar de mimimi, vou te encher o circo, trollar e causar. Adoro ver gente irritadinha e, quanto mais a pessoa fica irritadinha, mais vou irritar.

Cinco: sou uma profissional de social media. Logo, muitas coisas que escrevo, escrevo para testar reação/aceitação em relação ao tema/modo de abordagem/linha editorial. Nem sempre penso/acredito naquilo que escrevo, mas escrevo para observar o comportamento das pessoas e poder aplicar aos meus clientes.

Seis: Por isso, NÃO ACHE QUE VOCÊ ME CONHECE PORQUE ME SEGUE NO TWITTER. Não sou sua amiga porque nos seguimos. Podemos até vir a ser, mas isso só o tempo dirá. De novo, muito do que escrevo pode ser só teste de aceitação de audiência. Portanto, não ache que sou sua melhor amiga.

Sete: Continuando, meu Facebook não é uma extensão do meu Twitter. No Facebook, eu só aceito pessoas que conheço pessoalmente e são realmente parte do meu convívio. Nem adianta adicionar que não vou aceitar.

Oito: Adoro debates e pessoas que me confrontam. Agora, se xingar, é block e tchau. Sem dó nem piedade.

Nove: Não sou conselheira/diretora/nem porcaria nenhuma no Palmeiras. Minhas opiniões sobre o clube/time são baseadas no que sei que acontece nos bastidores. Não sou influenciada por grupo nenhum e falo o que eu penso mesmo. Se não gostar, o botão unfollow está ai para isso.

Dez e último: namoro. Então, pegue sua DM com cantadinha barata e enfie no nariz. Ah, também não me pergunte a @ do meu namorado porque eu não falo nem sob tortura - NÃO QUERO NENHUMA GALINHA RONDANDO O QUE É MEU.

Obrigada pela atenção e bora tuitar.

Abs,

@meninanubia

Nenhum comentário: