quarta-feira, 30 de abril de 2014

Vida de Mãe - O gel da fralda

Dai que papai Sérgio pegou gripe, mamãe Núbia também e bebê Luísa também. A Primeira Gripe. A gente tem gripe o tempo todo, parece que gripe é uma coisa simples, banal. É uma gripe. Mas a primeira gripe não. A Luísa não vai se lembrar, mas a mamãe jamais vai esquecer a primeira gripe.

Aquele desespero: bebê chora, cospe, tosse, sai quilos de catarro do nariz. Mãe fica no zap zap com a pedi, pega o bebê, leva pra pedi ver, a pedi passa o que precisa fazer. E lá vai a mamãe: lava nariz, faz inalação, faz a fisioterapia respiratória.

Quando tudo parece se encaminhar para um final feliz, o bebê para de comer. A mãe enlouquece e fica o dia inteiro falando com a pedi no zapzap e no celular. O bebê vomita, tem diarréia, aquele caos completo. Nem dá pra acreditar que é uma gripe. Por sinal, quando você é mãe, é assim. A médica diz "gripe" e você entende "bronquiolite, pneumonia, dengue". Mas, voltando, dai que a bebéia passou o dia malzinha.

Ai, quando ela parece estar melhorando, a mãe vai dar banho na bebéia e o que vê? Um troço esquisito na fralda. Salmão. Junto com o xixi. Xixi salmão? Claro que algo muito ruim está acontecendo. Lá vai a mãe, desesperada, gritar a pedi no whatsapp.

Daqui pra frente, reproduzo o diálogo:

EU: Flá. Apareceram umas coisas salmão no xixi dela. Como se fosse uma poeira. Eu nunca tinha visto isso antes.

PEDI: Tira uma foto e me manda.

Lá vai a mãe: sobe escada, vai no quarto da bebéia abre a lixeira, tira a fralda, tira foto e manda pra pedi.

EU: Tá vendo esse salmão? Tira na perrizinha dela também. Grudado.

PEDI: ISSO É O GEL DA FRALDA :D (a caixa alta é minha)

EU: Jura? AHHAHAHAHAHAHA

Parentese: como assim, eu digo "jura"? Por que a pedi mentiria pra mim? Claro que é o gel da fralda, sua ANTA!


Me senti a mãe mais burra do sistema solar. Mas a Flávia me acalentou dizendo que tem mãe que vai parar no hospital quando vê isso. Não sei se ela falou isso só pra me consolar, mas fica a dica pra vocês não pagarem o mico de amolar a pediatra da sua filha às 22h por conta do gel da fralda.

Flávia, pedi, te amo. Obrigada pela paciência infinita.

O gel da fralda salmão. Não era uma tragédia iminente, era apenas xixi concentrado.

E boa noite.


Nenhum comentário: